Loading... Please wait...

Boletim Informativo


História

Cerimónia oficial da criação da Associação Empresarial Santana Madeira Londres

getimage.jpeg    O dia 28 de janeiro de 2012 ficou marcado pela cerimónia oficial da criação da Associação Empresarial Santana Madeira Londres (AESML), sendo a mesma presidida pelo Secretário Regional do Ambiente e Recursos Naturais - Dr. Manuel António Correia, em representação do Governo Regional.

Esta ideia surgiu de contactos estabelecidos pelo edil quando se deslocou a Londres durante o ano transato, por ocasião das comemorações do Dia da Madeira (30 de abril e 01 de maio) e mais recentemente aquando da realização do X aniversário do portal da diáspora portuguesa (26 e 27 de novembro), onde teve a oportunidade de conviver com emigrantes de Santana e da Região ali radicados. Durante esses momentos foi-lhe por estes manifestada a intenção e a vontade de se associarem legalmente, perseguindo objetivos de carácter social e empresarial.

A AESML tem como sócios fundadores:
- António Alves de Freitas;
- António Andrade da Silva;
- Emanuel Pedro de Andrade Fernandes;
- João de Jesus Marques Luís;
- João Paulo Mendonça Gouveia;
- José Abelino Quintal da Silva;
- Manuel António de Sousa Jardim;
- Manuel João Andrade Gouveia;
- João Fernandes Nóbrega;
- Jorge Duarte Ascensão Pontes;
- Rui Moisés Fernandes de Ascensão.
 
Dos 11 sócios fundadores, 8 deles deslocaram-se propositadamente à Região para proceder à assinatura da escritura que determinou a criação da AESML.

O emigrante/empresário que representou o grupo - José Silva, tomou a palavra para expressar a sua vontade em apoiar Santana, em especial no contexto de conjuntura que se vive.

O Presidente da CMS, por sua vez, caracterizou a iniciativa destes emigrantes e empresários como altamente meritória, não só pelo seu elevado sentido cívico e solidário, como também pela forma de capitalizar ativamente o sucesso empresarial e a formação na terra "mãe". Foi neste contexto que anunciou o seu desígnio de transformar o concelho de Santana, atualmente Reserva Mundial da Biosfera da UNESCO, no centro do turismo rural da Madeira. Aludindo ao logótipo da referida Associação, o edil sugeriu a simbiose, a ligação e o intercâmbio entre as duas partes envolvidas (Santana - Londres) e mencionou que as janelas são representativas de oportunidades que se pretende criar com sementes douradoras e de futuro.

A intervenção do Secretário Regional do Ambiente e Recursos Naturais foi marcadamente positiva, afirmativa e otimista. Referindo que os problemas existem e sempre existiram ao longo da História, apelou à reflexão da assistência para a diferente capacidade que os seres humanos possuem para lidar com os condicionalismos: carpir demagogicamente sobre os mesmos ou criar soluções criativas para ultrapassá-las e solucioná-las. Para o Governante, esta Associação afigura-se como uma resposta inteligente e acima de tudo de esperança para todos nós. Reconheceu a importância dos nossos emigrantes enquanto impulsionadores da diáspora madeirense pelo mundo e sublinhou a expressão de carinho e quase "sacralização", manifestada por estes, para com aspetos culturais da terra que os viu nascer, sempre encarada com saudade. Valorizou ainda, o papel dos emigrantes na promoção da nossa terra, na procura e venda de produtos regionais nos países de acolhimento, no apoio direto e indireto prestado à Região, traduzindo-se no desenvolvimento económico e na atenuação do desemprego.